Segurança nos laboratórios

por iw_azeheb 17 set

Aulas experimentais são sempre cheias de empolgação, mas trabalhar em um laboratório de física ou química exige um cuidado todo especial. É essencial que o responsável mantenha pulso firme e oriente os alunos quanto a algumas regras básicas de segurança e atitudes que podem representar perigo à turma. Para que a aula seja produtiva e ocorra sem nenhum incidente, separamos alguns itens que merecem atenção redobrada.

 

Comportamento

Provavelmente todos os alunos já sabem, mas ainda assim é importante o professor relembrar que o laboratório não é um local para brincadeiras, e sim um local de trabalho. Ainda que a aula experimental permita maior interação e criatividade, todas as atividades devem ser realizadas de acordo com as orientações do professor.

 

Vestuário

Cada escola técnica ou universidade pode ter normas específicas sobre o vestuário dos alunos, algumas delas exigem o uso do jaleco fechado. No entanto, mesma nas instituições sem regras definidas, é recomendável que cabelos longos estejam presos e que no ambiente do laboratório os alunos não usem cachecóis, colares longos ou pulseiras, pois estes acessórios podem enroscar no equipamento na hora do experimento, causando acidentes.

 

Organização

Para ter uma aula segura e produtiva, oriente seus alunos a manterem a bancada limpa e organizada, sempre montando as atividades no centro da mesa e nunca nas bordas. Depois de terminar o experimento, as mesas e os materiais devem ficar limpos e arrumados.

 

Substâncias

Com tantos produtos químicos por perto, o risco de acidentes é grande, por isso é fundamental que todos estejam cientes sobre os cuidados necessários ao manusear cada substância. Ler os rótulos dos produtos que serão utilizados na aula é sempre uma boa ideia!

 

Materiais

O professor também deve estar atento e alertar os alunos sobre o manuseio dos materiais e equipamentos do laboratório. Por exemplo, sempre que utilizarem máquinas eléctricas, as mãos devem estar secas para evitar choques. Também deve-se tomar muito cuidado durante o aquecimento de um tubo de ensaio: é necessário incliná-lo um pouco e usar sempre uma pinça de madeira, tomado cuidado para não apontar a extremidade aberta para si mesmo ou para algum colega, pois o produto pode espirrar e provocar queimaduras.

 

O objetivo da aula experimental é motivar os alunos e facilitar o aprendizado, mas para que isso aconteça seguir algumas regras básicas é fundamental. Afinal, a segurança no laboratório depende de todos!

Deixe seu comentário :

Deixe uma resposta